Gamer Lifestyle

O blog do Fabão

  • Translator

    Portuguese flagItalian flagEnglish flagGerman flagFrench flagSpanish flagJapanese flag
  • Sobre o Gamer Lifestyle

    Este é um blog sobre o estilo de vida gamer, o estilo de quem compreende os jogos eletrônicos como forma de arte, cultura, negócio e entretenimento; o estilo de quem joga, mas sobretudo de quem pensa os jogos; o estilo de quem se assume gamer, e vê nisso não um escapismo, mas um complemento a todos os outros aspectos e aspirações de sua existência serenamente revolta. Espere tópicos filosóficos, amenidades, discussões, polêmicas, opinião, tudo isso junto e nada disso também. Enfim, viva o estilo de vida gamer e venha aqui debatê-lo.
  • Assine os feeds

  • Atualizações por e-mail

    Para receber atualizações direto no seu e-mail, clique aqui.
  • Anúncios

  • Novidades Play-Asia em Jogos

  • Novidades Play-Asia em Figures

  • Novidades Play-Asia em Livros

  • Pesquisa de produtos Play-Asia

“Mai, deixa eu cuidar da sua bunda” ou As trapalhadas da SNK do Brasil

Posted by Fabão on 3rd janeiro 2010

Fatal Fury 3, um jogo de belos visuais e frases estranhas...

Fatal Fury 3, um jogo de belos visuais e frases estranhas…

1995 foi um ano de experimentações para a SNK. A empresa produziu o insólito Savage Reign e mudou radicalmente duas de suas tradicionais séries com Samurai Shodown III e Fatal Fury 3. Este último foi o primeiro título de Neo Geo a ultrapassar a barreira dos 250 megabits de dados, chegando ao total de 266 Mb – antes dele, o maior foi Samurai Shodown II, com 202 Mb, e o recordista seguinte foi o shooter Pulstar, com 305 Mb. A grande quantidade de memória para a época foi utilizada para refazer totalmente o visual, após o excelente Fatal Fury Special (atualização de Fatal Fury 2), o que denota a ousadia da SNK de então em comparação com a empresa que ficaria reciclando sprites ano após ano mais tarde. Claro, o tamanho da tarefa, como geralmente acontece, comprometeu o tamanho do elenco: de 15 personagens em Fatal Fury Special, passou-se a 10 lutadores selecionáveis e três chefes. Outro arrojo: apenas cinco deles eram conhecidos. Dos estreantes, alguns se destacariam mais no futuro, como Blue Mary e Ryuji Yamazaki. O sistema de jogo também apresentou novidades, como controle da altura do salto, três planos de ação, defesa aérea, combos de botão e avaliação de desempenho ao final de cada round.

A essa época, a empresa tinha escritório em nosso país. Ainda me recordo que alguns dos momentos altos em minha época de revista Gamers foram as visitas à SNK do Brasil, no bairro do Jabaquara, aqui em São Paulo. E a empresa investia pesado em sua operação brasileira, com lançamento simultâneo de jogos, a presença oficial do console Neo Geo CD, campanhas de marketing em revistas especializadas (como eu queria que eles veiculassem também os hilários comerciais japoneses) e participação expressiva em eventos como a Salex e a UD. Além disso, a maioria dos jogos era localizada para o português – mesmo que fossem as típicas traduções da SNK, notórias por seus erros e gafes. Ouvi dizer, não sei onde, não sei quando, que as traduções eram feitas na sede da empresa, em Osaka, mas isso não serviria de desculpa para as hilárias frases em inglês e em português.

Outro dia, conversando com o Amer sobre Engrish e afins, lembrei-me de uma frase de Fatal Fury 3 que escandalizou-me. Naquele ano de 1995, um amigo tinha um Neo Geo CD, e curtíamos muito a novidade. Tentando terminar com todos os personagens, escolhi então a Mai Shiranui e, ao chegar ao chefe Jin Chonshu (para quem ainda não sabe, ou teima em não acreditar, ele é um homem), eis que o diminuto oponente diz “Mai, deixe eu cuidar da sua bunda”. Para relembrar o momento e compartilhar as muitas frases inusitadas, resolvi jogar o clássico novamente, e reproduzo abaixo os resultados dessa empreitada cômica.

Read the rest of this entry »

Post to Twitter Post to Plurk Post to Delicious Post to Digg Post to Facebook Post to Reddit Post to StumbleUpon

Tags: , , , , , , , ,
Posted in Artigos, Comédia, Divagações, História dos games, Retrô, SNK | 16 Comments »

 

Twitter links powered by Tweet This v1.6.1, a WordPress plugin for Twitter.